História de Imigração: Laos (por terra, vindo do Vietnã)

O Laos é um dos países que brasileiros precisam tirar o visto para entrar. Porém, tal visto pode ser requerido diretamente nos aeroportos internacionais de Vientiene ou de Luang Prabang ou nas fronteiras por terra. Os documentos necessários são o passaporte com, no mínimo, 06 meses de validade e uma foto 3×4.

Entramos no Laos por terra, no posto de fronteira 133, entre o Vietnã e o Laos.

Saímos de Hanoi, no Vietnã, às 17:15h do dia 16 de maio de 2015, para pegarmos um ônibus (1.600.000 dongs para duas passagens, algo em torno de 180 reais), com destino à Vientiane, no Laos.

Chegamos à fronteira às 05:00h, do dia 17 de maio, porém a imigração só abria as 07:00h.

Ficamos esperando dentro do ônibus, com ar condicionado desligado, até as 06:00h, quando abriu o restaurante do lado e nos liberaram para descer e tomar o café da manhã.

Como não conseguimos comer nada de manhã, só esperamos dar 7:00h. Ao contrário da espera dentro do ônibus, estava bem frio de fora!

Às 7:00h fomos a pé para a imigração do Vietnã, carimbar nossa saída. Era bem perto do local onde paramos. Um dos moços da companhia de ônibus pegou nossos passaportes e 01 dólar de cada um, algo em torno de 3,20 reais cada (não sei porque) e entregou pros agentes da imigração. Ficamos esperando lá em volta. Estava bem cheio de vietnamitas… De gringo, só tinha uns 10, contando a gente.

Esperamos mais ou menos 30 minutos e um dos moços nos chamou para segui-lo até o ponto de controle de saída. Chegando lá, nossos passaportes e dos outros gringos não estavam no monte. Tivemos todos que voltar para o lugar onde carimbam a saída e nós mesmos pegarmos os passaportes.

Conferimos o carimbo de saída e caminhamos, de novo, pro controle. Chegando lá não tinha nenhum moço da companhia de ônibus, só vários turistas vietnamitas.

Distraí um pouquinho e o Breno sumiu. Achei-o, um pouco depois, acenando de longe e nos mostrando onde deveríamos ir. Era só continuar andando. Hehehe!

O agente da imigração do Vietnã conferiu nossos carimbos de saída e nos mostrou que deveríamos continuar caminhando.

Caminhamos por mais ou menos 01km até atravessarmos a fronteira com o Laos e chegarmos no controle de imigração do referido país.

Lá, nos deram dois formulários para preenchermos:

Requerimento de Visto, que consistia em informarmos nossos dados pessoais, dados do nosso ônibus (não sabíamos, deixamos em branco), dados do nosso hotel no Laos, nossa profissão, endereço no Brasil, motivo da visita, quanto tempo ficaríamos, de onde viemos e para onde iríamos depois e pra anexar uma foto 3×4 (a nossa era 5×7, mas aceitaram). Se não tiver a foto é só pagar 1 dólar, algo em torno de 3,20 reais, que eles resolvem o problema.

Cartão de Chegada e Partida, que consistia em informarmos nossos dados pessoais, dados do nosso ônibus (não sabíamos, deixamos em branco), dados do nosso hotel no Laos, nossa profissão, motivo da visita, de onde viemos e os dados da partida do país (que podem ser preenchidos no dia da saída), sendo que a parte dedicada à entrada fica com a imigração e a parte dedicada à partida dentro do passaporte.

Não tivemos que passar por nenhum controle de saúde e nem preencher qualquer declaração de estado de saúde.

Assim que terminamos de preencher voltamos ao local de requerimento e pagamos o visto: 33 dólares cada, algo em torno de 105,60 reais cada (esse valor depende da nacionalidade da pessoa e do horário do expediente. Pra brasileiros, em expediente ordinário, sai por 30 dólares e em expediente extraordinário, final de semana, por exemplo, sai por 33 dólares).Tal valor pode ser pago em dólar, em euro, em kip (moeda do Laos) ou em bahts (moeda da Tailândia). Para quem só estiver levando dongs (moeda do Vietnã), há um ponto de troca de moedas dentro da imigração.

Não esperamos nem 10 minutos e os vistos ficaram prontos.

Quando saímos, olhei meu visto e meu nome estava errado, o Rangel estava escrito Eangel… Voltamos e eles arrumaram no sistema e à caneta no meu visto.

Ficamos encantados com o atendimento, pois todos foram muito simpáticos e solícitos.

Saímos da imigração às 08:05h, com visto de um mês no Laos. o/

Visto do Laos

Atrasou pra continuarmos a viagem, pois 5 ingleses não sabiam que tinham que pagar o visto e não levaram dinheiro suficiente. Dentro da imigração tem um lugar onde dá pra sacar dinheiro, mas, não estava funcionando. Depois de muito sufoco para eles e muita espera do ônibus, o motorista pagou os vistos, ficando com os passaportes deles como garantia.

No final, deu tudo certo e chegamos em Vientiane dia 17 de maio de 2015, às 23:00h, depois de quase 30 horas de viagem (isso é uma outra história que futuramente contaremos).

Agora é curtir 01 mês de visto em terras laosenses.

Sabaidee (oi), Laos! 😀


Nota 01: Na época (maio de 2015), com 01 real comprávamos 6.444 dongs.

Nota 02: Não temos fotos das fronteiras e das imigrações porque dia 20 de maio de 2015 nossa câmara foi roubada em Vientiene e perdemos praticamente todas as fotos dos 07 dias anteriores. 😦


Foto: Arquivo pessoal.

3 comentários em “História de Imigração: Laos (por terra, vindo do Vietnã)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s